Um brasileiro procurado internacionalmente pela Interpol e investigado pelo compartilhamento de imagens de pornografia infanto-juvenil na internet, foi extraditado da Espanha para São Paulo, neste sábado (12), pela Polícia Federal.

O homem, que tem 26 anos e é foragido da Justiça Federal em Minas, será conduzido para a penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, onde ficará à disposição da Justiça. 

De acordo com a PF, o investigado foi escoltado por policiais federais e desembarcou no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em voo vindo de Madri, na Espanha.

"A extradição foi possível após a expedição de mandado de prisão preventiva pela 35ª Vara Federal de Belo Horizonte/MG e a consequente inclusão da Difusão Vermelha internacional pela Representação da Interpol em Minas Gerais, instrumento que permitiu à polícia espanhola a localização em Gijón/Astúrias e detenção do extraditado naquele país", informou a Polícia Federal.

Segundo o órgão, o homem havia deixado o Brasil em 2018, com investigação em andamento, na tentativa de homiziar-se (furtar-se à vigilância ou à ação da Justiça) em solo espanhol, onde chegou a entrar com pedido de asilo.