As fortes chuvas registradas na madrugada desta quarta-feira (9) preocuparam moradores de Belo Horizonte. De acordo com a Defesa Civil, o nível do Arrudas chegou a aumentar, porém a calha do rio aguentou a quantidade de água, evitando o transbordamento.

Outros córregos da Região Metropolitana de BH, que receberam grande volume de água, também suportaram a precipitação e não transbordaram. Conforme o Corpo de Bombeiros, não houve registros relacionados às chuvas desta madrugada.

Mesmo assim, diversas regiões da cidade registraram fortes precipitações. Até as 5h desta quarta, as que mais acumularam água foram Centro-Sul, com 58,2 mm, Nordeste, com 56,2 mm, e Barreiro, com 43,2 mm, segundo dados da Defesa Civil. Veja os dados por regional:

Barreiro: 43.2 (12%)
Centro Sul: 58.2 (16.2%)
Leste: 41 (11.4%)
Nordeste: 56.2 (15.7%)
Noroeste: 26 (7.2%)
Norte: 24.4 (6.8%)
Oeste: 33.6 (9.4%)
Pampulha: 9.8 (2.7%)
Venda Nova: 8.2 (2.3%)

Acumulado de chuvas 

Em nove dias, algumas regionais já ultrapassaram um terço da média histórica de água acumulada prevista para o mês de dezembro, que é de 358,9 mm. Veja a quantidade por região:

Barreiro: 130.4 (36.3%)
Centro Sul: 103.4 (28.8%)
Leste: 66 (18.4%)
Nordeste: 76.2 (21,2%)
Noroeste: 57.6 (16%)
Norte: 44 (12.3%)
Oeste: 114.4 (31.9%)
Pampulha: 39 (10.9%)
Venda Nova: 63.4 (17.7%)

Leia também:
Quarta-feira em BH deve ter céu nublado e pancadas de chuva, alerta Defesa Civil
Estelionatários usam nome Cemig para extorquir dinheiro dos clientes