A Vale começará neste sábado (28), por volta das 10h, os testes mensais nos sistemas de alarme de barragens da Mina de Águas Claras, em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH).

A atividade preventiva faz parte da implementação do Plano de Ação de Emergência para Barragens de Mineração. O objetivo é assegurar o funcionamento do sistema sonoro. Segundo a empresa, as autoridades e a população vizinha às estruturas foram informadas. A simulação é feita com o apoio das Defesas Civis estadual e municipal.

O procedimento consiste no acionamento das sirenes - antes do toque, uma mensagem irá reforçar que se trata de um teste. O som poderá ser ouvido além da Zona de Autossalvamento (ZAS), no bairro Espírito Santo, em Raposos, na Grande BH, e em diversos bairros de Nova Lima.

A partir de janeiro de 2021, a companhia vai manter uma rotina mensal de comissionamentos das sirenes, quando o som passará a ser de música instrumental. Eles serão realizados todo dia 8, por volta das 10h.

A Mina de Águas Claras está paralisada desde 2002 e é utilizada atualmente com sede das atividades administrativas. As barragens estão inativas e apenas a que leva o nome 5-MAC é de rejeitos, sendo as demais de sedimentos. 

Próximos testes

A mineradora informou que outros comissionamentos estão marcados para este ano. Em 9 de dezembro, às 10h, será nas barragens da Mina de Fábrica, em Congonhas, na RMBH. Depois, no dia 15, no mesmo horário, o teste é no sistema de sirenes das Minas Mutucada, Azul e Tamanduá, em Nova Lima.

Leia também:

Plano de vacinação contra a Covid-19 em Minas terá três fases; saiba quais

Passarela que liga o metrô à Estação São Gabriel é interditada após deslocamento da estrutura