O Hospital Madre Tereza, na região Oeste de Belo Horizonte, suspendeu os atendimentos a pessoas com sintomas gripais ou suspeita de Covid-19 na noite de quarta-feira (25). A decisão foi tomada após a unidade de saúde atingir o limite na ocupação de leitos destinados a pacientes infectados com o novo coronavírus.

Conforme o centro médico, a previsão é de que os atendimentos sejam retomados apenas na próxima segunda-feira (30). Os funcionários do hospital foram informados sobre a situação após um comunicado interno. Confira:

"A Diretoria Administrativa e Técnica do Hospital Madre Teresa (HMT) comunica que devido a a ocupação de leitos no setor Covid-19 ter ultrapassado a margem de segurança institucional, foi definido pelo Comitê de Sustentabilidade e Gestão de Crise, nesta quarta-feira, 25 de novembro, que a Unidade de Atendimento dos pacientes com sintomas gripais ou suspeitos de COVID-19 no Pronto Atendimento HMT ficará fechada até segunda-feira, 30 de novembro de 2020".

Em nota, a assessoria de imprensa informou que a decisão é transitória e que o objetivo é rever a logística de leitos, avaliando a necessidade de readequação, considerando a perspectiva do aumento de casos na capital. O comunicado esclarece, ainda, que o hospital permanece atendendo a todos os casos de urgência e emergência. 

Confira o texto na íntegra

O Hospital Madre Teresa informa que, devido a ocupação de leitos no setor Covid-19, a Unidade de Atendimento dos pacientes com sintomas gripais ou suspeitos de Covid-19 no Pronto Atendimento ficará suspensa até segunda-feira, 30 de novembro de 2020.

Trata-se de uma decisão transitória motivada pelo compromisso com a segurança de todos os nossos pacientes, médicos e colaboradores. O objetivo, neste momento, é rever a logística de leitos e avaliar a necessidade de readequação, considerando a perspectiva do aumento de casos em Belo Horizonte.

Esclarecemos que o hospital permanece atendendo a TODOS os casos de urgência e emergência e as clínicas de cardiologia, cirurgia geral, clínica médica, neurologia e ortopedia continuam cuidando de nossos pacientes no Pronto Atendimento. Ressaltamos que os atendimentos eletivos de consultas, exames e internações permanecem inalterados seguindo todas as normas preconizadas de segurança.

Leia também:
Mão pesada contra Covid: PBH endurece rigor e lojas infratoras serão fechadas; prisões podem ocorrer
Com aumento de casos de Covid-19, macrorregião Sul regride para onda amarela no Minas Consciente
Ocupação de leitos particulares em BH dobra em apenas 15 dias