Moradores do Aglomerado da Serra, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte, realizaram um protesto no início da noite desta quinta-feira (29), após a morte de um suposto traficante durante uma troca de tiros com a Polícia Militar.

Eles colocaram fogo em pneus e bloquearam a rua Caraça, próximo ao Beco Bie, onde mais cedo houve uma troca de tiros.

Protesto morte traficante Serra

De acordo com os militares, o homem, de 23 anos, atuava no tráfico de drogas e é membro de uma organização criminosa chamada GDI (Guangue da Igrejinha). O suspeito teria praticado diversos crimes na região. 

Ainda segundo a polícia, a morte ocorreu durante uma operação na tarde desta quinta para combater os homicídios no aglomerado. Os militares passavam pela Vila da Igrejinha quando avistaram o suspeito atuando na venda de entorpecentes em um beco.

Ao avistar as viaturas, conforme a PM, ele teria sacado uma arma e fez menção que iria atirar contra os militares, que revidaram e atingiram o suspeito com dois disparos na barriga. 

Ele foi socorrido e levado para Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.