Uma massa de ar quente estacionada sobre Minas Gerais provocou mais um dia de forte calor em Belo Horizonte nesta terça-feira (29). Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), os termômetros marcaram 37º C na capital mineira.

A umidade relativa do ar ficou em 15% na hora mais seca do dia, índice considerado estado de alerta. 

Nessa segunda-feira (29), BH registrou recorde de calor em 2020 e um dos maiores da história da cidade, com temperatura de 37,3º C, entre 13h e 14h, na região da Pampulha. A temperatura mais alta até então no ano tinha ocorrido no 19 de setembro, quando os termômetros marcaram 34,9º C na capital. 

E esse tempo quente não vai dar trégua nos próximos dias. De acordo com a previsão do Inmet, nesta quarta-feira (30) os termômetros devem registrar 35°C, assim como na quinta-feira (1º). Já na sexta-feira (2), a previsão é que os termômetros marquem novamente 37º C e, no sábado (3), a temperatura pode atingir 38°C.

Confira as dicas da Defesa Civil durante os dias de tempo seco:

- Hidrate-se durante o dia;

- dê preferência aos alimentos leves e frescos, como saladas, frutas, carnes grelhadas;

- evite frituras;

- durma em local arejado e umedecido por aparelhos umidificadores, ou ainda coloque uma bacia com água;

- evite atividades físicas ao ar livre e exposição ao sol entre as 10 e 17 horas;

- evite banhos com água quente, para não potencializar o ressecamento da pele; se necessário, use hidratante;

- em caso de problemas respiratórios, procure um especialista;

- em caso de incêndio em mata ou floresta, avise imediatamente ao Corpo de Bombeiros (193), Defesa Civil (199) ou Polícia Militar (190).