O Corpo de Bombeiros registra incêndios em vegetação em alguns pontos da Região Metropolitana de Belo Horizonte neste sábado (12). O tempo seco associado à ação do vento contribuem para grande parte dessas queimadas.

Na Serra da Moeda, a grande dificuldade encontrada é o terreno acidentado somado às altas temperaturas, baixa umidade e ventos que aceleram a propagação do fogo. O combate foi suspenso na noite de sexta-feira (11) e retomado nesta manhã. Os militares fizeram um sobrevoo para reconhecimento e planejamento das ações. 

Militares e brigadistas do Instituto Estadual de Florestas (IEF), da Associação Mineira de Defesa do Ambiente (AMDA) e voluntários tentam controlar o fogo
em pontos estratégicos. Assista:

Mário Campos

Após cinco dias o Corpo de Bombeiros controlou na manhã deste deste sábado (12) o incêndio que consumiu a Serra do Funil, em Mário Campos, na região Metropolitana de Belo Horizonte. Além da corporação, atuaram no combate agentes da Polícia Militar, da Defesa Civil de Brumadinho e brigadistas.

Segundo os bombeiros, ainda não é possível determinar a área atingida. Drones da corporação vão continuar monitorando a região e percorrer a área queimada para mensurar o tamanho da destruição.

Algumas casas próximas ao local chegaram a ser ameaçadas pelo fogo, mas ninguém ficou ferido.

Na sexta-feira os militares receberam 71 chamados para combater incêndios em vegetação somente na Região Metropolitana de Belo Horizonte. 

Incêndio Vegetação RMBH

Bombeiros registram 71 ocorrências de incêndios na Região Metropolitana de BH na sexta-feira (11) 

Cuidados 

O Corpo de Bombeiros pede a colaboração da população para não atear fogo no intuito de limpar terrenos e trilhas, além de evitar jogar pontas de cigarro na margens das estradas. Latas de metal e cacos de garrafa podem se aquecer e dar origem a queimadas.

Fogueiras devem ser feitas apenas em locais limpos e sem vegetação e apagadas após o uso.

Além disso, queimas controladas devem ser apenas com a orientação do Instituto Estadual de Florestas (IEF). Em caso de emergência, ligue 193.

Leia Mais:
Dias lindos, mas prejudiciais à saúde; clima de deserto permanece em BH no fim de semana
Incêndio consome 631 mil metros quadrados da mata da Baleia
Minas registra mais de 40 incêndios florestais por dia; Bombeiros alertam para o período crítico