A utilização de máscaras será obrigatória para os usuários do metrô de Belo Horizonte a partir da próxima quarta-feira (22). Segundo a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU-BH), a medida será necessária em cumprimento ao decreto da Prefeitura de Belo Horizonte,  que determina o uso do equipamento em todos os espaços e transportes públicos. A determinação é válida para todas as 19 estações e permanecerá em vigor por tempo indeterminado.

 
De acordo com a CBTU-BH, a medida é mais um esforço coletivo para conter a proliferação do novo coronavírus e pede aos usuários que fiquem atentos ao cumprimento rigoroso da norma durante a circulação pelas estações e trens, uma vez que o decreto prevê que os estabelecimentos de serviços deverão impedir a entrada e a permanência de pessoas sem o equipamento.
 
Sobre a segurança dos funcionários, a companhia disse que já distribuiu cerca de quatro mil máscaras, duas mil luvas e mais de 500 litros de álcool 70% para os trabalhadores do sistema de transporte. Além disso, cartazes informativos sobre o uso adequado de máscaras, bem como de medidas de autoproteção recomendadas aos usuários foram instalados nas plataformas.