A segunda etapa da vacinação contra gripe em Minas Gerais começa nesta quinta-feira (16). Nesta fase, devem receber a imunização os servidores da segurança do Estado, portadores de doenças crônicas não transmissíveis, funcionários do sistema prisional, jovens de 12 a 21 anos em cumprimento de medida socioeducativa, internos do sistema prisional, portuários, povos indígenas, motoristas de transporte coletivo e caminhoneiros, que podem ser vacinados em qualquer lugar do país.

"Os caminhoneiros podem vacinar em qualquer posto de saúde desde que comprovem que são caminhoneiros. Eles são a população exposta, já que andam pelo Estado e pelo país e seria muito interessante que todos fossem vacinados", destacou o secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Carlos Eduardo Amaral. 

De acordo com a coordenadora estadual do Programa de Imunizações da SES, Josianne Dias Gusmão, a vacina contra a gripe é importante, pois reduz as complicações, as internações e a mortalidade decorrentes das infecções pela influenza. Além disso,  alivia o sistema de saúde, que está priorizando o tratamento de pacientes da Covid-19.

"Por isso, a primeira etapa foi direcionada à proteção do grupo de pessoas que está mais suscetível ao vírus da influenza, que são os idosos e os trabalhadores da saúde. É fundamental que essas pessoas compareçam às unidades básicas de saúde ou participem de qualquer estratégia de vacinação do seu município para que fiquem protegidos contra a Influenza", afirmou.

Belo Horizonte

Segundo a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), 290 mil pessoas devem ser vacinadas nesta segunda etapa. A meta é imunizar 90% do público-alvo. A imunização é oferecida nos 152 Centros de Saúde da capital. 

Além disso, a PBH mantém a estratégia de abrir postos extras para que as pessoas possam receber a dose e, assim, evitar aglomeração nos Centros de Saúde.  Para a vacinação das pessoas que estão em instituições prisionais será montada uma estrutura volante.

Primeira etapa

Cerca de 2,5 milhões de pessoas já foram vacinadas contra a gripe em Minas até esta quarta-feira (15). Segundo balanço divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde, o número, que engloba a primeira etapa da vacinção, representa 92% de imunização contra o vírus influenza entre idosos e de 84% entre os trabalhadores da saúde. 

Leia também:
Conab inicia leilão para compra de itens de cestas básicas destinadas a grupos vulneráveis
Verão não será capaz de travar a pandemia de Covid-19, mostra estudo
PRF apreende 670 quilos de maconha após perseguição na BR-262, em Betim