A Prefeitura de Belo Horizonte começa, nesta quinta-feira (9), a distribuir mais 240 mil cestas básicas e 57 mil kits de higiene para as pessoas em maior vulnerabilidade econômica e social, conforme cadastros oficiais do município. A ação visa garantir que as famílias se mantenham em isolamento social. Nessa nova etapa serão investidos R$ 20 milhões.

Nesta terça-feira (7), um novo sistema será liberado para que um primeiro grupo de famílias consulte a data, o turno e em qual loja deverá comparecer para a retirada dos produtos. Em seguida, no sábado (11), nova etapa de consulta estará disponível.

Para consultar a disponibilidade das novas cestas, a família deverá acessar esta página, usando o primeiro nome e o CPF do responsável pelo cadastro ou licenciamento de atividade informal. A família só poderá retirar a cesta após o acesso na plataforma on-line, considerando a necessidade de escala para que não haja aglomeração nas lojas.

No supermercado, o responsável cadastrado deverá apresentar um documento oficial de identificação com foto e CPF. Caso o responsável não possa fazer a retirada, outra pessoa poderá pegar o produto desde que apresente procuração simples (não sendo necessária a autenticação em cartório), os documentos originais do beneficiário e dele.

Veja quem tem direito a cestas básicas e quando será possível fazer a retirada:

cestas básicas

Quem tem acesso a cestas básicas deve clicar aqui.