A Prefeitura de Belo Horizonte informou na noite desta sexta-feira (3) que revogou o decreto com medidas restritivas à circulação dos ônibus coletivos que partem da cidade de Lagoa Santa, na região metropolitana, com destino à capital e que entrariam em vigor na próxima segunda-feira (6).

Segundo a PBH, a Prefeitura de Lagoa Santa publicou novo decreto (3.994), adotando medidas mais rigorosas de isolamento social, o que teria feito a Prefeitura de Belo Horizonte revogar o decreto anterior. 

Com a medida, a prefeitura reativou o comércio e serviços além dos considerados essenciais, desde que seguissem medidas contra o avanço do coronavírus.

Imagens feitas por um morador da cidade nesta sexta-feira (3), na avenida Acdo. Nilo Figueiredo, mostram a rua movimentada e vários tipos de comércios com as portas abertas.

Assista:

medida da PBH foi tomada pelo fato de Lagoa Santa não ter acatado as orientações das autoridades da saúde para conter a pandemia da Covid-19.

Na última segunda-feira (30), por meio de um decreto, o prefeito de Lagoa Santa, Rogério Avelar (PPS), autorizou, com uma série de recomendações, a reabertura de parte do comércio e de outros estabelecimentos na cidade. 

Adotando uma postura mais dura no enfrentamento da pandemia de coronavírus, Kalil anunciou que os ônibus vindos da cidade estariam proibidos de entrar na capital. No texto, a PBH explicou que caminhões, ambulâncias e carros de passeio estariam liberados.