As medidas de isolamento social em Minas Gerais, impostas há pouco mais de uma semana, estão surtindo efeito. Essa é a avaliação do governador Romeu Zema, que, durante pronunciamento na tarde desta terça-feira (31), disse ter havido queda no número de internações hospitalares por conta da Covid-19 nos últimos cinco dias.

Até o momento, 34.224 notificações suspeitas da doença são investigadas no território mineiro. Ao todo, 275 casos foram confirmados e duas pessoas perderam a vida.

Segundo Romeu Zema, a Fundação Ezequiel Dias (Funed) deve dobrar a capacidade para realizar exames específicos para o novo coronavírus. O prazo, no entanto, não foi detalhado. 

Além disso, o chefe do Executivo mineiro anunciou que o Exército brasileiro vai atuar no combate à Covid-19 no Estado. A expectativa é a de que os militares trabalhem na desinfecção de estações com aglomerações. 

O governo também aguarda receber, em breve, R$ 500 milhões da mineradora Vale para reforçar as ações. A verba é referente a um processo que o Estado move contra a empresa, por conta do rompimento da barragem em Brumadinho, na Grande BH, no ano passado. Para ter acesso ao dinheiro, porém, é preciso autorização judicial.

Leia Mais:
Opas defende isolamento social como melhor opção de combate à covid-19
Receita libera entrada de 500 mil testes de Covid-19 em tempo recorde
Número de exames de coronavírus feitos na Funed subirá de 200 para 1800 em alguns dias, afirma Zema