Quatro pessoas foram socorridas momentos antes da casa onde viviam desabar, no bairro Salgado Filho, na região Oeste de Belo Horizonte, durante as chuvas fortes dessa sexta-feira (27). A capital mineira viu o temporal retornar com intensidade, com índices acima dos 64 milímetros, conforme a Defesa Civil. Nesta sexta, a cidade está em alerta para mais temporais e risco geológico. 

Na ocorrência registrada no Salgado Filho, o Corpo de Bombeiros informou que duas pessoas foram retiradas da residência antes do desabamento, localizada à rua Carmo do Cachoeiro, pelo Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) e levadas para o Hospital Municipal Odilon Behrens. Outras duas foram salvas pelos militares e levadas para um hospital, não-divulgado.

Ainda conforme a corporação, a Defesa Civil não trata o caso como desabamento e sim como obstrução da entrada do imóvel após deslizamento de talude de linha férrea. O local é de responsabilidade da Ferrovia Centro Atlântica. A reportagem entrou em contato com a empresa e aguarda retorno.

Outro resultado da chuva, segundo a Defesa Civil de BH, foi o transbordamento do ribeirão do Onça, na avenida Sebastião de Brito, na esquina com a avenida Cristiano Machado. No local, a Guarda Municipal monitorou a região e fechou a via, de forma preventiva.

A chuva registrada entre a noite dessa quinta-feira e madrugada desta sexta chegou a 69 mm na região Noroeste, 67,6 na Centro-Sul e 64,2, no período contabilizado a partir das 18h de quinta até as 6h desta sexta. Veja todas as regionais: 

  • Barreiro: 34,0
  • Centro Sul: 67,6
  • Leste: 33,6
  • Nordeste: 35,4
  • Noroeste: 69,0
  • Norte: 23,0
  • Oeste: 64,2
  • Pampulha: 25,6
  • Venda Nova: 18,4

Leia mais:​
Defesa Civil emite alerta para pancadas de chuvas de até 50 mm e risco geológico em BH