Com familiares feitos reféns em Santa Luzia, na Grande BH, uma mulher foi rendida e obrigada a sacar dinheiro da unidade bancária que gerencia em Itabira, na região Central, na manhã desta sexta-feira (13). Os criminosos fugiram sem levar nada.

De acordo com a PM, militares que passavam pelo local notaram que a vítima estava saindo da agência, localizada à rua Juca Machado, no Centro, carregando grande volume de notas, acompanhada de outras pessoas. O grupo foi abordado e a mulher contou o que estava acontencendo. Nesse momento, os autores fugiram, sem levar o dinheiro.

Na Grande BH, a família da vítima, que seguia refém de outra parte da quadrilha, foi liberada sem ferimentos. A polícia informou que segue rastreamento para localizar e prender os envolvidos. A Polícia Civil investiga o caso.