Após meses de intensa preparação para a maratona do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), agora quanto mais cuidado com o bem-estar, melhor. É hora de descansar a mente e relaxar o corpo. Yoga, meditação, caminhada ao ar livre, livros e filmes são indicados para aliviar a ansiedade e melhorar o rendimento nas provas, afirmam especialistas.

Neste domingo, mais de 534 mil mineiros participam da primeira etapa do teste. Dentre eles, Izabela Borba, de 18 anos, que garante já ter desacelerado o ritmo. Para descansar, lança mão de documentários. “Tira a tensão”, diz.

yoga acerta pré-vestibular
Estudantes de cursinho preparatório tiveram aulas de yoga durante o ano para desenvolver o controle emocional, fundamental para um bom desempenho no exame; aulão foi reforço

A estudante sabe que saúde emocional é fundamental também para o bom desempenho no exame nacional. Por isso, há seis meses ela frequenta aulas de yoga no curso onde estuda. “Aprendi técnicas de relaxamento e a esvaziar a mente”.

Segundo o instrutor Orion Shiva Das Boncompagni, aprender a focar no que, de fato, é necessário, faz toda a diferença. “Através da respiração profunda e da consciência corporal a concentração é mantida mesmo em um ambiente barulhento”, explica.

Meditação não é para apagar fogo. É uma técnica que deve ser feita constantemente para que o resultado apareça. Adolescentes e jovens estão cada vez mais ansiosos e têm dificuldades para lidar com a emoção, principalmente diante de um desafio como o Enem. A yoga ajuda a desenvolver a consciência corporal e a focar no que realmente importa. É preciso entender que os pensamentos e as sensações físicas e emocionais são momentâneos, vêm e vão. Eles não definem uma pessoa.

Orion Shiva Das Boncompagni - Instrutor de yoga, mindfulness e terapeuta corporal

A prática de yoga integra a grade curricular do Acerta Pré-Vestibular há dois anos. Com duas aulas por semana, os alunos começaram a desenvolver o controle emocional, afirma o coordenador da instituição, Lucas Araújo. “O Enem é extenso, cansativo e desgastante. É natural a angústia com a prova, mas o desempenho não pode ser prejudicado por causa dela”.

Confira o aulão de yoga realizado na última quinta-feira:

Sem exagero

E para manter o corpo em movimento, atividade física sem excesso. “Dormir mal ou mudar bruscamente o ritmo do corpo gera desconfortos”, destaca a pedagoga do cursinho preparatório, Jéssica Carneiro.

Jéssica diz que, para evitar imprevistos, o melhor é separar na véspera os materiais que devem ser levados para o exame, como canetas. Vale ainda calcular antes o melhor trajeto até o local de prova. “No dia, apenas descanse. Alimente-se bem pela manhã e prefira produtos leves no almoço”, sugere.

Leia Mais:

Aprendizado ou memorização? Saiba como evitar o 'branco' na hora do Enem

A um mês do Enem: confira vídeo com exercícios de respiração para controlar a ansiedade