A Polícia Federal apreendeu, na tarde desse domingo (19), cerca de 34 quilos de cocaína em uma mala despachada para Portugal no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, na Grande BH, durante durante fiscalização de rotina no local. Ninguém foi preso.    

De acordo com a PF, o material estava acondicionado em bagagem sem passageiro, mas com etiqueta afixada referente a usuário que havia voado dois dias antes. Ainda segundo a PF, essa pessoa não tem "qualquer relação com o caso".

A droga foi descoberta durante fiscalização de rotina por meio de aparelho de raio-x. A polícia informou, por meio de nota, que será instaurado inquérito para apuração do fato. 

mala

Etiqueta estava com identificação de passageiro que já havia voado

Procurada, a BH Airport, concessionária que administra o aeroporto, informou que houve prisões após a fiscalização e que os envolvidos detidos são trabalhadores de empresas terceirizadas contratadas pelas companhias aéreas e, portanto, não pertencem aos quadros de colaboradores da empresa.  

A BH Airport também informou que está à disposição das autoridades para o prosseguimento das investigações.​

Aguarde mais informações.