Os cemitérios de Belo Horizonte amanheceram cheios nesta sexta-feira (2) em que se celebra o Dia de Finados. No Bonfim, um dos mais tradicionais da cidade, centenas de pessoas levaram flores para lembrar parentes e amigos. 

Durante a manhã, Neila Vaz, de 64 anos, esteve no local com o marido. Eles se dividiram para depositar flores nos túmulos de entes queridos. A tradição se repete todo ano. "Sempre venho no dia de finados para visitar os túmulos do meu pai e meus avós, depois vou até o da minha sobrinha e finalizo no da minha mãe, todos aqui no Bonfim", conta, com carinho. 

Durante todo o dia, os quatro cemitérios municipais da capital devem receber cerca de 100 mil pessoas. Eles ficam abertos até as 17h30 para visitas, conforme a Fundação de Parques Municipais e Zoobotânica (FPMZB).

A programação do dia conta com missas em diversos horários, além de serviços de acolhimento aos visitantes. Para auxiliar, todos os cemitérios contarão com a presença de reforço de equipes da Guarda Municipal, da Polícia Militar e da BHTrans.

Além disso, funcionários da prefeitura estarão nos locais fornecendo informações sobre a transferência de titularidade dos jazigos, alteração de dados cadastrais e quitação de débitos. Já a BHTrans terá agentes para orientar os motoristas e minimizar o impacto no trânsito da região no entorno de cada cemitério. 

Comércio

O feriado também foi uma oportunidade para comerciantes lucrarem com a venda de flores, velas e alimentos ao redor dos cemitérios.

Confira os locais e horários das celebrações:
 
Cemitério do Bonfim (Rua Bonfim, 1.120, Bonfim)
Igreja Católica Romana – celebrações às 14h e 16h
Igreja Batista Getsêmani, Igreja Batista da Lagoinha e Testemunha de Jeová – acolhimento às famílias

Cemitério da Paz (Avenida Presidente Carlos Luz, 850, Alto Caiçaras)
Igreja Católica Brasileira – celebrações às 14h e 15h
Igreja Católica Romana – celebrações às 11h, 13h30, 15h e 16h30
Igreja Batista Getsêmani, Igreja Batista da Lagoinha e Testemunha de Jeová – acolhimento às famílias

Cemitério da Saudade (Rua Cametá, 585, Saudade)
Igreja Católica Brasileira - não haverá
Igreja Católica Romana – celebrações às 11h, 13h, 15h, 17h
Igreja Batista Getsêmani e Testemunha de Jeová – acolhimento às famílias

Cemitério da Consolação (Rua José Gomes Domingues, 2.000, Jacqueline)
Igreja Católica Brasileira - não haverá
Igreja Católica Romana – celebrações às 11h e 16h
Igreja Batista Getsêmani e Testemunha de Jeová – acolhimento às famílias