A Polícia Militar prendeu um homem suspeito de atear fogo em um terro que fica ao lado da Estação Ecológica do Cercadinho, na Região do Barreiro, em Belo Horizonte. No local, foram queimados cerca de 800 metros quadrados e as chamas chegaram até a área de conservação.

O preso disse aos policiais que o terreno pertence a uma imobiliária e que é funcionário da mesma. Ele estava com a intenção de limpar o local queimando, que seria o jeito mais fácil de conseguir. Se ele for condenado, pode pear de 2 a 4 anos de prisão. Ele foi multado em R$ 1285,23.