Segundo maior produtor de flores do Brasil, Minas Gerais está desenvolvendo um sistema para o acompanhamento da safra. A iniciativa é da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. O objetivo é identificar quais os municípios produtores, a quantidade e as espécies são plantadas no Estado.

“Não possuímos muitas informações sobre a produção de flores, até então não era realizado nenhum levantamento efetivo para avaliar a cultura em Minas Gerais. Os dados são importantes porque subsidiam políticas públicas para incentivar a cadeia e norteiam a produção. O Sistema será um diagnóstico da exploração de flores no Estado, com dados que nem mesmo as prefeituras possuem”, ressalta o coordenador técnico da Emater-MG, Edson Logato.

O trabalho já foi iniciado e os primeiros dados deverão ser publicados no mês que vem. Técnicos da Emater-MG visitam as propriedades e fazem a coleta de informações, que será de forma mensal, para tentar maximizar o panorama da produção, com a possibilidade da comparação entre regiões, segundo explicou Logato.

Floricultura

A floricultura envolve o cultivo de plantas ornamentais, flores de corte, plantas em vasos, produção de sementes, bulbos e mudas de árvores de grande porte. Minas Gerais tem na floricultura de corte o município de Barbacena, na região de Campos das Vertentes, como um dos destaques na produção de rosas. Dona Euzébia, na Zona da Mata, também possui destaque no cultivo de plantas ornamentais e para jardins, como palmeiras.

Reunião em Barbacena

Na próxima segunda-feira (25/4), às 10 horas, será realizada uma reunião no Escritório Local da Emater-MG em Barbacena com a presença de técnicos, produtores, prefeitura e da Associação Barbacenense dos Produtores de Rosas e Flores (Abarflores). Será uma oportunidade para apresentar o Sistema e explicar os objetivos e a importância de realizar o diagnóstico do setor. O Escritório da Emater-MG está localizado na Avenida Bias Fortes, 56, no Centro de Barbacena. Contato pelo número:(32) 3333-1663.