Um homem de 36 anos foi preso nesta quarta-feira (14) com imagens de pornografia infantil, em Nova Lima, na Região Metropolitana da capital. Segundo a Agência de Inteligência da delegacia regional da cidade, o suspeito já tinha sido preso pela Polícia Federal (PF) em 2013 depois que o endereço identificador do computador que utilizava foi identificado pela polícia do Espírito Santo após denúncias de pais de vítimas.

Agora, um novo mandado de busca e apreensão partiu novamente do estado capixaba sob a mesma acusação. Da primeira condenação, o homem ganhou a progressão do regime e cumpria a pena em prisão domiciliar monitorado por tornozeleira eletrônica. Nesta quarta, a polícia voltou a encontrar durante as buscas na residência do suspeito novas imagens de crianças nuas e mensagens ameançando menores nas redes sociais.

O homem foi levado para o presídio de Nova Lima, mas negou o crime afirmando desconhecer o conteúdo encontrado no computador. Uma nova investigação será feita com intuito de descobrir se ele fez vítimas em Minas Gerais.