Um taxista foi perseguido e abordado por um bandido que apontou uma arma de fogo para ele,  mas conseguiu se desvencilhar e pedir a um morador que acionasse a Polícia Militar (PM), na noite dessa quarta-feira (1º), no bairro Jonas Veiga, na região Leste de Belo Horizonte.

De acordo com a Polícia Militar (PM), o suspeito parou com uma motocicleta na frente do veículo em trânsito e apontou a arma para ele. O taxista deu marcha à ré, mas foi acuado novamente pelo motociclista. No entanto, o motorista do taxi engatou a primeira e seguiu em frente, fugindo do bandido que foi atrás dele.

O taxista teria avistado duas pessoas guardando um carro na garagem e fez sinal para que eles acionassem a PM. Enquanto ele aguardava a chegada dos militares, segundo relatou o motorista aos policias, o motociclista passou por ele mais uma vez.

A viatura da PM se deparou com o motociclista descrito e o ocupante jogou a arma no chão e seguiu em alta velocidade, dando início a uma perseguição. Na rua Jaraguá, esquina com Leopoldo Gomes, o condutor perdeu o controle da direção e caiu. Ele abandonou a moto e ainda tentou fugir à pé, mas foi alcançado pelos militares.

O suspeito Hudson Afonso Moreira, de 26 anos, foi detido e encaminhado para a Unidade de Pronto-Atendimento (Upa) da região Leste, devido aos ferimentos da queda. A moto não era licenciada e foi apreendida junto com um celular e uma arma.