As indenizações pagas aos familiares de pessoas que morreram em acidentes de trânsito em Minas no primeiro semestre deste ano já chegam a R$ 39,5 milhões. Balanço da Seguradora Líder, empresa que gerencia o Dpvat, usado para indenizar as vítimas de acidentes de trânsito, mostra que de janeiro a junho 2.929 pessoas receberam R$ 13.500 cada pela morte de um familiar em acidentes ocorridos no estado. 
 
No mesmo período de 2011 foram 2.795 indenizações, um aumento de 4,7%. Os acidentes com mortes em ônibus aumentaram 37,7%, passando de 90 para 124 em 2012, segundo a Seguradora Líder.
 
“Para receber as indenizações garantidas pelo Seguro Obrigatório as pessoas não precisam de intermediário. O beneficiários recebe o dinheiro em conta corrente no máximo 60 dias depois que toda a documentação for apresentada”, disse o presidente da empresa, Ricardo Xavier.Em 2012, o volume de indenizações pagas a vítimas de acidentes de trânsito chegou a R$ 1,2 bilhão.