Conteúdo de responsabilidade do cliente

Tão amplo quanto a diversidade de estabelecimentos no cenário de e-commerce Brasil é o leque de possibilidades quando o assunto gira em torno da montagem de uma loja virtual. Nos dias atuais existem empresas que possuem unidades físicas e virtuais, mas estas são geridas de formas independentes.

Outros tipos de loja online, contudo, permitem com que o usuário compre pelo ecommerce e retirem a mercadoria em uma unidade física, dentre outras interações. À essa forma integrada de comercialização, que emprega múltiplos canais de vendas, dá-se o nome de “omnichannel”.

Omnichanel

 

 

A aplicação em empresas de vendas e suas vantagens:

O conceito de dropshipping, na prática, torna-se a cada mais conhecido dos consumidores. O mesmo se processa no que tange ao omnichannel, que já é empregado por boa parte das empresas que funcionam no comércio eletrônico. Seu emprego assegura benefícios às lojas. Veja:

Maior contato com o cliente:

Como criar uma loja online lucrativa é o que muitos empresários costumam se questionar. Essa dúvida envolve também outras preocupações, que passam pela boa apresentação de sua loja, o que pode ser feito pela escolha do slogan, por exemplo. O maior contato com o cliente, deve ser algo amplamente buscado. E isso, por sua vez, pode ser atingido através do omnichannel.

 

Eficácia:

Este sistema se mostra bastante eficaz pelo fato do gestor conseguir ter acesso ao histórico de compras dos consumidores. Até mesmo as reclamações, por serem gerenciadas em um mesmo ambiente, servem para enriquecimento das formas de se administrar o negócio.

Melhor conhecimento do mercado:

O segmento em que se atua pode ser mais facilmente interpretado com o emprego desse tipo de prática. Assim sendo, torna-se ainda mais claro se os clientes estão satisfeitos com a experiência a eles ofertada.

 

Formatos de canais omnichannel:

As etapas para criação de estabelecimentos comerciais são diversas e podem demandar alguns investimentos em um mecanismo gerador de nomes, bem como em um sistema gerador de código de barras, muito importante para facilitar pagamentos. Se os mecanismos implantados forem bem aceitos, o omnichanel poderá ser uma espécie de termômetro dessa receptividade por parte do público. Confira alguns tipos de canais:

 

Através de redes sociais:

Os sites de buscas respondem por uma alta funcionalidade das lojas virtuais, produzindo imagens gratuitas que podem ser aproveitadas, bem como outros conteúdos visuais. Mas são as redes sociais que têm prevalecido na predileção dos consumidores desses estabelecimentos. Essa preferência há algum tempo é vista em relação à aquisição de produtos, constituindo um importante canal para omnichannel.

 

Por meio de aplicativos:

Muitas lojas da internet fazem uso de aplicativos, já que estes são práticos. Para que uma pessoa sinta-se de fato interessada em baixar este recurso em seu celular, a loja em questão deve apresentar alguns diferenciais. É aqui que se verifica a necessidade de criação de algumas promoções ou descontos personalizados.

 

Marketplaces:

Muito visitadas na atualidade, estas estruturas virtuais também podem ser aproveitadas pelos gestores que almejam fortalecimento da marca e lucratividade acentuada. É fundamental, entretanto, que neste e em outros canais o consumidor conte com um atendimento unificado, com os mesmos valores em cada um deles.