Prestes a deixar a equipe RBR ao fim da temporada, o australiano Mark Webber, conhecido pelo conflituoso relacionamento com seu companheiro, Sebastian Vettel, deixou todas a vaidades de lado ao fim do Grande Prêmio de Abu Dhabi, neste domingo, nos Emirados Árabes. Depois da corrida, que representou a sétima vitória consecutiva do alemão na principal categoria de automobilismo do planeta, o piloto da Oceânia esqueceu seus problemas com o tetracampeão mundial e rasgou elogios ao jovem de 26 anos.

"Seb (apelido de Vettel) estava em outro planeta. Estava muito, muito forte com seu primeiro jogo de pneus. Ele estava muito rápido e seus pneus não se deterioraram, o que foi uma receita para o desastre para seus oponentes, eu incluso", ressaltou Mark Webber.O australiano, aliás, largou na pole position neste domingo e sequer representou algum perigo à fácil vitória de Vettel em Abu Dhabi. Ele perdeu a primeira posição logo na largada, após protagonizar uma saída ruim - algo costumeiro -, mas se negou a colocar a culpa da segunda colocação ao fim da corrida na má partida.

"Não acho que a largada tenha sido decisiva. Seb estava em outra categoria. Ele estava muito veloz. Gostaria muito de ter vencido. Mas alcancei o melhor resultado possível. Vamos para Austin tentar fazer melhor", acrescentou, referindo-se à próxima corrida da temporada 2013 da Formula 1, daqui a duas semanas, nos Estados Unidos.

Com sua saída ao fim da temporada já sacramentada, Mark Webber ainda terá mais duas oportunidades de se despedir da maior categoria do automobilismo mundial com ao menos uma vitória no ano. Ainda restam o Grande Prêmio dos EUA, dia 17 de novembro, e o do Brasil, em 24 de novembro, na corrida que representará a sua despedida da Formula 1. Atualmente, ele ocupa a quinta posição do Mundial de Pilotos, com 166 pontos, nove a menos que o quarto colocado, Lewis Hamilton.