Enfim, o América deixou a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Depois de passar nove rodadas consecutivas no Z-4, o Coelho chegou a dois empates seguidos em território paulista e que foram fundamentais para obter êxito em sua missão. Após o 1 a 1 com o Corinthians, no último domingo (19), na Neo Química Arena, ficou no 0 a 0 com o São Paulo, nesta quarta-feira (22), no Morumbi, em duelo adiado da 19ª jornada da competição.

O Alviverde subiu do 18º para o 16º lugar, ultrapassando Grêmio e Juventude – embora o tricolor gaúcho tenha dois jogos a menos que os comandados de Vagner Mancini.

Com 23 pontos, o América chega a quatro partidas consecutivas de invencibilidade. Antes dos empates com Corinthians e São Paulo, o time mineiro havia superado Ceará e Athletico-PR, ambos por 2 a 0, no Independência. O Coelho igualou outra série sem perder nesta edição, quando saiu de campo com triunfos para cima de Bahia e Santos e igualdades com Juventude e Internacional, ainda no primeiro turno.

O Alviverde tenta dar um novo passo em sua luta contra a degola neste domingo (26), às 11h, diante do atual bicampeão brasileiro, o Flamengo, no Horto, pela 22ª rodada. Uma parada duríssima, mas quem sabe os mineiros não surpreendem o rubro-negro?

América

O jogo

Ofensivamente, o América alternou momentos de inspiração com falhas na ligação do meio de campo ao ataque no primeiro tempo desta quarta. Felipe Azevedo, Ribamar e Ademir tiveram suas oportunidades, porém, falharam nas conclusões. O Alviverde, inclusive, finalizou mais que o Tricolor na etapa inicial: cinco a três.

Em termos defensivos, o Coelho se mostrou uma equipe compacta na primeira parte do duelo. E quando Pablo balançou as redes de Cavichioli, a arbitragem assinalou impedimento e anulou corretamente o gol do São Paulo.

O segundo tempo começou com os paulistas mais agressivos, no entanto, sem eficiência no último passe ou nas finalizações. Gradativamente, o América foi ganhando terreno e levando perigo à defensiva são-paulina, sobretudo nas investidas de Ademir. Rodolfo perdeu uma chance claríssima, e o empate sem gols prevaleceu.

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO 0
Tiago Volpi; Galeano, Arboleda, Miranda e Reinaldo (Welington); Luan, Rodrigo Nestor, Igor Gomes (Calleri) e Gabriel Sara (Liziero); Rigoni e Pablo (Marquinhos)
Técnico: Hernán Crespo

AMÉRICA 0
Matheus Cavichioli; Patric, Eduardo Bauermann, Ricardo Silva e Marlon (Chrigor); Juninho, Alê e Ademir (Yan Sasse); Felipe Azevedo (Alan Ruschel), Zárate (Toscano) e Ribamar (Rodolfo)
Técnico: Vagner Mancini

DATA: 22 de setembro de 2021 (quarta-feira)
LOCAL: Morumbi
CIDADE: São Paulo (SP)
MOTIVO: 19ª rodada do Campeonato Brasileiro
ARBITRAGEM: Bráulio da Silva Machado, auxiliado por Kleber Lúcio Gil e Thiaggo Americano Labes, todos de Santa Catarina
VAR: Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ)
CARTÕES AMARELOS: Arboleda, Miranda, Reinaldo (São Paulo); Zárate (América)

Leia mais:
Eduardo, lateral do América, revela diagnóstico de tumor ósseo