O técnico Vagner Mancini ganhou uma série de opções para armar o América para o duelo com o Athletico-PR, no próximo sábado (11), às 16h, no Independência, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. 

Ao todo, onze jogadores devem voltar a ficar à disposição para o confronto com o Furacão. Seis deles afastados pela Covid-19 já retornaram: o goleiro Jori, o zagueiro Eduardo Bauermman, o volante Zé Ricardo, o meia Alê e os atacantes Léo Passos e Chrigor. 

No caso de Bauermann, o clube afirma que a contraprova do teste que diagnostica a doença deu negativo. Mesmo assim, por precaução, o defensor ficou de fora da vitória do Coelho por 2 a 0 sobre o Ceará, no domingo passado. 

Nos próximos dias, o goleiro Airton, o lateral-direito Diego Ferreira, o meia Bruno Nazário e o atacante Rodolfo, positivados para o coronavírus após a primeira leva de contaminação no elenco, também devem ser liberados para os treinamentos, com boas chances de estarem aptos para a partida de domingo.

Quem também já trabalha normalmente com os companheiros é o Alan Ruschel, recuperado de uma entorse no joelho direito, responsável por tirá-lo dos dois últimos jogos. 

Ainda de fora por questão física estão o lateral-direito Eduardo, o volante Ramon e o atacante Yan Sasse. 

Zárate

Principal contratação do América para a temporada, o atacante Mauro Zárate aguarda a publicação do seu nome no Boletim Informativo Diário da CBF (BID), para ganhar condições legais de jogo.

Mesmo com o longo período sem atuar – o último jogo do argentino foi no dia 17 de abril -, o jogador afirmou, em sua apresentação, na última sexta, que tem a intenção de estrear pelo Coelho já diante do Athletico-PR. 

Com 18 pontos, o América ocupa a 17ª colocação do Brasileirão. O primeiro time fora da zona de rebaixamento é o Bahia, com 21 pontos e um jogo a mais do que o Alviverde. 

Leia mais

Sonhos, desafios, reverência a Ronaldo e 'Bombonera mineira': a apresentação de Zárate no América

No dia do aniversário de 56 anos do Mineirão, relembre 15 jogos marcantes da história do estádio

Contra Argentina, Brasil tenta manter campanha perfeita nas Eliminatórias para a Copa do Mundo 2022