Das cobranças à euforia. Em menos de uma semana, o Atlético conviveu com protestos de sua torcida, a vitória para cima do Santos, na terça-feira (26), recolocando o time no páreo na disputa do título do Brasileirão, e dominou as redes sociais ao anunciar o atacante Hulk, na sexta (29), como seu novo reforço. Para manter a confiança da Massa, o Alvinegro busca um novo triunfo neste domingo (31), às 17h, no Mineirão, sobre o Fortaleza, e, com isso, aumentar as chances do bicampeonato.

Em quarto lugar na classificação, o Galo possui 57 pontos, a cinco do líder Internacional e a dois do vice Flamengo e do terceiro colocado, o São Paulo. Já o oponente da vez se vê numa situação desesperadora, abrindo a zona de rebaixamento, com 35. 

O Fortaleza, aliás, no primeiro turno, freou o embalo atleticano. Há quem diga que foi a partir dali que a “magia alvinegra” começou a desparecer.

Vindo de quatro vitórias consecutivas – sobre Bragantino, Atlético-GO, Grêmio e Vasco –, o time comandado por Jorge Sampaoli amargou uma derrota por 2 a 1 no Castelão, mesmo atuando durante grande parte do jogo com um atleta a mais – Felipe havia sido expulso aos 38 minutos do primeiro tempo.

Não se trata apenas de dar o troco na equipe cearense. Neste domingo, o Galo necessita de um triunfo para não se desgarrar dos líderes, restando depois cinco rodadas para o fim do campeonato. Por outro lado, um novo tropeço pode praticamente eliminar as possibilidades do Atlético de chegar ao topo, dependendo do que ocorrer nos outros embates da jornada.

Escalação

Sem Keno, em recuperação de uma lesão no cotovelo esquerdo, o ataque mineiro poderá ter a volta de Vargas entre os 11 principais. Outra possibilidade seria uma inusitada entrada de Marrony, tantas vezes preterido pelo treinador argentino. 

Atlético

ATLÉTICO X FORTALEZA
Motivo:
33ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 31/1/2021 (domingo)
Horário: 17h
Estádio: Mineirão
Cidade: Belo Horizonte
Arbitragem: Leandro Pedro Vuaden, auxiliado por Jorge Eduardo Bernardi e José Eduardo Calza, todos do Rio Grande do Sul. VAR: Daniel Nobre Bins (RS).
Transmissão: Première

ATLÉTICO
Everson; Guga, Alonso, Réver e Arana; Jair, Nathan (Allan) e Hyoran (Zaracho); Savarino, Sasha e Vargas (Marrony)
Técnico: Jorge Sampaoli 

FORTALEZA
Felipe Alves; Gabriel Dias, Jackson, Wanderson e Carlinhos; Felipe, Ronald e Mariano Vázquez; David, Osvaldo e Wellington Paulista
Técnico: Léo Porto