Na disputa pelo título do Campeonato Brasileiro, o Atlético sofreu um importante revés nesse sábado (23), no estádio São Januário.

Com uma atuação repleta de erros, especialmente no setor defensivo, o Galo foi derrotado por 3 a 2 para o Vasco, em duelo da 31ª rodada da competição, e perdeu a chance de se aproximar dos líderes da competição.

Além dos erros defensivos nos gols do cruzmaltino, que chegou a abrir 3 a 0, o time comandado pelo técnico Jorge Sampaoli também pecou no ataque, ao desperdiçar um pênalti com Hyoran, no início da partida, quando o placar ainda estava zerado.

De acordo com Sampaoli, o Atlético foi dominante na partida, mas tais falhas foram determinantes para o resultado do confronto.

“Lamentavelmente, controlamos o rival durante todo o tempo. Tivemos o erro de pênalti, e depois um erro não forçado da jogada de lado deles, e converteram. E tivemos que remar contra a maré. Um time jovem, perdendo de 1 a 0. Continuamos buscando, tentando. Mais uma jogada contra, na segunda chegada, fizeram 2 a 0. A equipe lutou, gerou chances, atacou, e lamentavelmente, encontraram outro gol em jogada isolada. Seguimos buscando, fizemos um gol, veio outro mais”, disse o treinador, em entrevista coletiva, após o duelo.

Pênalti perdido

Tomando a iniciativa da partida, como de costume, o Galo vinha superior no início da partida, até o momento da penalidade, marcada aos 12 minutos, após o árbitro Vinícius Gomes Gonçalves, com o auxílio do VAR, assinalar toque de mão do lateral-direito Léo Matos dentro da área.

Entretanto, o Atlético teve um castigo duplo nos minutos seguintes ao pênalti. Depois de ver Hyoran acertar o pé da trave direita, desperdiçando a cobrança, o Alvinegro de Minas viu os donos da casa abrirem o placar poucos minutos depois, mudando a história do jogo.

De acordo com técnico argentino do Galo, esses minutos foram preponderantes para o desenrolar da partida.

“O pênalti perdido psicologicamente afeta, e depois houve o gol deles. Favoreceu o jogo do Vasco, nas disputas, ações. Tivemos que sair, buscar mais. E, bem, não podíamos quebrar o volante para mudar a estrutura do jogo. Isso favoreceu a jogada defensiva de Vasco. Buscamos, dominamos todo o jogo, mas lamentavelmente, perdemos. Foi uma partida que, como se deu, tivemos todo o domínio e não conseguimos estabelecer o resultado”, disse o treinador argentino.

O Atlético vai buscar a reabilitação no Brasileirão na próxima terça-feira, quando vai enfrentar o Santos, às 20h, no Mineirão, em duelo atrasado da 28ª rodada da competição.