Uma noite de gala para o Galo. Assim foi o duelo deste domingo (17), contra o Atlético-GO. Inspirado e voltando a apresentar o bom e velho futebol, a equipe comandada por Jorge Sampaoli venceu o Dragão por 3 a 1 e, com o empate do São Paulo, por 1 a 1, com o Athletico-PR, diminuiu a diferença para quatro pontos.

Com um jogo a menos que o Tricolor Paulista, o Alvinegro chegou aos 53 pontos e se vê mais vivo na briga pelo título do Campeonato Brasileiro. O Internacional, que tem a mesma pontuação, encara o Fortaleza  e também pode embolar a disputa pelo caneco da competição mais importante do país.

Contando com um golaço de Hyoran, que dominou a bola no peito e, sem deixá-la cair no chão, o Atlético abriu o placar no Gigante da Pampulha aos 13 do primeiro tempo. Alonso, ainda na primeira etapa, ampliou. O terceiro veio aos 16 da segunda etapa, com Jair, que completou 70 jogos com a camisa preta e branca.

Aos 33, sem marcação, Janderson descontou para os goianienses. Mas, faltando pouco tempo para o apito final, não diminuiu o brilho dos donos da casa e nem mudou o placar no Mineirão.

Na próxima quarta-feira (20), será a vez de enfrentar o Grêmio, no Sul do país. A partida, marcada para as 19h15, será contra um time que quer se manter no G-4 até o fim da competição. O Tricolor Gaúcho, comandado por Renato Portaluppi, tem 50 pontos e ainda quer dar trabalho aos concorrentes.

ATLÉTICO 3 X 1 ATLÉTICO-GO
Motivo: 30ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 17/1/2021 (domingo)
Local: Mineirão
Arbitragem: Bráulio da Silva Machado, auxiliado por Kléber Lúcio Gil e Helton Nunes, todos de Santa Catarina
VAR: José Cláudio Rocha Filho (SP)
Cartões amarelos: Jair e Guga (Atlético); Wellington Rato, João Victor e Marlon Freitas (Atlético-GO)
Gols: Hyoran aos 13 minutos e Alonso aos 41 do primeiro tempo; Jair aos 16 minutos e Janderson aos 29 do segundo tempo

ATLÉTICO
Everson; Guga, Réver, Junior Alonso e Guilherme Arana; Jair (Alan Franco), Allan e Hyoran; Savarino (Nathan), Vargas (Sasha) e Keno (Marrony)
Técnico: Jorge Sampaoli

ATLÉTICO-GO
Jean; Dudu, João Victor, Éder e Natanael (Arnaldo); Pereira (Janderson), Marlon Freitas (Danilo Gomes), Chico (Oliveira) e Matheus Vargas; Wellington Rato e Zé Roberto (Vitor)
Técnico: Marcelo Cabo