O técnico Adilson Batista deixou a UTI, no Hospital Cardiológico Constantini, em Curitiba, e deixou uma mensagem nas redes sociais, destacando que ganhou "uma nova chance na vida", após se recuperar de um infarto, sofrido na última quinta-feira (14).

 

O treinador, de 52 anos, tem passagens pelos três principais clubes de Minas Gerais. Pelo Cruzeiro, foi zagueiro entre 1989 e 1993 e comandante de 2008 a meados de 2010 e do fim de 2019 ao início de 2020.

No Galo, atuou como jogador em 1994. E foi técnico do Coelho em 2018.