Emprestado pelo Atlético ao CSA, em setembro, o goleiro Matheus Mendes tem brilhado com a camisa do time alagoano na Série B do Campeonato Brasileiro; o vínculo, inclusive, vale até o fim da competição de acesso à elite. 

Desde a estreia contra o Cuiabá, o prata da casa atleticano já realizou 21 partidas pelo "Azulão" e foi vazado 16 vezes; todas como titular absoluto. Atualmente, o CSA é o quinto colocado e, com 48 pontos, está a apenas um do Juventude, último do G-4 da Segunda Divisão. Contudo, diagnosticado com a Covid-19 no início da semana passada, o jogador foi desfalque na derrota por 1 a 0 para o time de Caxias do Sul. 

De acordo com o departamento de matemática da UFMG, as chances de acesso da equipe alagoana são de 44%.

Valorizado com o bom desempenho na temporada, Matheus Mendes retornará ao Atlético nos primeiros meses de 2020 como mais uma boa opção para o técnico Jorge Sampaoli. Caso o clube não renove com o experiente Victor, atualmente terceiro goleiro e com contrato se encerrando em fevereiro, o mineiro de Governador Valadares pode ser o sucessor do "Santo" dos atleticanos.

Everson é o dono da posição com Sampaoli; Rafael é a segunda opção de momento.