Com a maior dos jogadores e integrantes da comissão técnica já de volta à Cidade do Galo, após cumprirem isolamento por causa do surto de Covid-19 que tomou o clube nas duas últimas semanas, o Atlético aproveita a semana que terá de preparação antes de voltar a campo pela Série A do Campeonato Brasileiro. No próximo domingo (6), o time recebe o Internacional, às 18h15, no Mineirão, pela 24ª rodada.

Sem poder contar com força máxima nas últimas três partidas, por causa do novo coronavírus, o Galo em oito dias perdeu para o Athletico-PR, no Mineirão, por 2 a 0, em 18 de novembro, empatou com o Ceará (2 a 2), dia 22, no Castelão, em Fortaleza, e na última quarta-feira (25), venceu o Botafogo (2 a 1), no Gigante da Pampulha.

treino Atlético Cidade do Galo

Jorge Sampaoli comandou treinamento neste domingo, na Cidade do Galo, armando o time para a partida contra o Internacional, dia 6 de dezembro, no Mineirão

A conta alvinegra era alcançar muito mais que quatro pontos nesses nove disputados. Assim, a partida contra o Colorado, que não vence há seis rodadas neste Brasileirão, virou decisão, até porque, a equipe de Jorge Sampaoli pode entrar em campo sem a liderança.

Na próxima quinta-feira, o São Paulo, que é segundo colocado, com 41 pontos, um a menos que o Atlético, cumpre jogo adiado da primeira rodada encarando o Goiás, às 19h, na Serrinha, em Goiânia.

Se o Tricolor vencer, ele chega aos 44 pontos e abre dois de vantagem em relação ao Galo, que neste caso entraria em campo para encarar o Internacional sem a liderança.

A pressão pode ser até maior sobre o time de Sampaoli. Isso porque o Flamengo, que é terceiro colocado com 39 pontos, três a menos que o Atlético, mas também com uma partida a menos, faz no próximo sábado (5), no Engenhão, o clássico carioca contra o Botafogo. A partida será às 17h.

Vencendo, o rubro-negro carioca chega aos 42 pontos do Galo, que não será ultrapassado pelo maior número de vitórias.