O zagueiro Réver atingiu um feito importante nesta quarta-feira (5), dia em que o Atlético venceu o América por 3 a 0 no jogo de volta das semifinais do Mineiro e garantiu vaga na decisão contra o Tombense. Com o tento anotado aos 10 minutos do segundo tempo, abrindo o marcador no Independência, o capitão se tornou o maior artilheiro do duelo na Arena (pós-reforma).

Leia mais:
Com 5 a 1 no placar agregado, Atlético despacha América e vai à final do Mineiro contra o Tombense
Além de Sampaoli, 74% do elenco atleticano brigará por inédito título do Mineiro contra o Tombense
 

O 27º gol com a camisa atleticana, inclusive, deixa Réver a nove gols de igualar o já aposentado Leonardo Silva, zagueiro com mais gols na história do clube. Em relação ao confronto contra o América, o capitão de Sampaoli balançou a rede pela quarta vez, deixando para trás o companheiro Diego Tardelli, com três.

"Hoje tivemos mais dificuldades, até porque é o terceiro jogo com o América em duas semanas. A gente conseguiu envolver a equipe deles de outra maneira, não foi tão necessário esse tipo de jogo", destacou o zagueiro.

"Nós sabíamos que seria um jogo muito difícil. Fico feliz por poder marcar novamente e ajudar a equipe durante os jogos. Agora é mudar o foco para o Campeonato Brasileiro, já que temos uma disputa difícil no domingo. Queremos que o torcedor se sinta feliz pela classificação. Vamos buscar o título, que é muito importante para nós. No que depender de nós, vamos buscar o título do Mineiro", concluiu.