Autor de três gols na goleada por 4 a 1 sobre o São Bernardo na tarde desta terça-feira (14), pela terceira fase da Copa São Paulo, o meia Calebe se tornou o artilheiro do Galinho na competição, agora com quatro gols. Além disso, vem chamando atenção por ser o maestro da equipe. O reconhecimento já é notório: parte da torcida faz campanha para ele ganhar chances no elenco profissional alvinegro em 2020.

Embora pertença ao São Paulo, o armador está emprestado ao Galo até 31 de janeiro de 2021, com passe fixado, de cerca de R$ 700 mil. Nos bastidores, o jovem atleta já teria acertado inclusive bases salariais com a diretoria alvinegra para permanecer. O novo vínculo duraria mais quatro anos.

Natural de Monte Azul Paulista, Calebe, de 19 anos, tem como um dos hobbies tocar bateria e percussão. “Falar inglês não sei direito, mas me dá uma bateria que eu sei tocar”, diverte-se ele, em entrevista à TV Galo.

Uma das grandes inspirações no futebol está na família. “Meu pai é de Feira de Santana, na Bahia, e jogou no Atlético Monte Azul. Devo muito a ele”, afirmou.

Atlético

É na cidade-natal onde está grande parte de sua torcida. “Minha mãe é de lá. E tenho dois irmãos”, sintetiza Calebe, fã incondicional do pacato município paulista, localizado a 420 km de São Paulo.

“Gosto muito de passar as férias com minha família em Monte Azul. Um momento para ficar mais calmo. Uma cidade muito boa de se morar. Não tem muita violência, é muito tranquila. Lá também tem a Festa de Agosto, comemorada na Praça Principal, com barraquinhas e bingo comemorativo”, ressalta a nova promessa alvinegra.