A Summer League da NBA conheceu na rodada de domingo os finalistas da competição de 2019. Nesta segunda-feira, (15) Memphis Grizzlies e Minnesota Timberwolves venceram os seus jogos pelas semifinais contra New Orleans Pelicans e Brooklyn Nets, respectivamente, no ginásio Thomas & Mack Center, em Las Vegas, e buscarão o título - será o segundo para a franquia do Tennessee e inédito para o de Minneapolis.

No primeiro duelo das semifinais, os Grizzlies bateram o New Orleans Pelicans por 88 a 86, depois de uma prorrogação, em um duelo entre os brasileiros Bruno Caboclo e Didi Louzada. Em seu quinto ano na NBA, Caboclo se deu melhor e terminou a partida com 12 pontos, oito rebotes e dois tocos para o time de Memphis. Foi o segundo maior pontuador da sua equipe, atrás apenas de Brandon Clarke, cestinha do jogo com 23 pontos.

Didi, escolhido no último Draft, também teve boa atuação. O ala-armador, ex-Franca, conseguiu 14 pontos, seis rebotes e dois roubos de bola. Ele inclusive conseguiu uma bola importante para o time a 32 segundos para o fim da prorrogação, quando infiltrou e fez bandeja difícil de esquerda, colocando os Pelicans em vantagem, perdida na sequência.

No outro jogo das semifinais, Naz Reid fez 20 pontos e foi o destaque da vitória por 85 a 77 dos Timberwolves sobre os Nets. Pelo lado da equipe de Nova York, Jarrett Allen contribuiu com um "double-double" (dois dígitos em dois fundamentos), com 15 pontos e 14 rebotes.

Neste ano, a competição em Las Vegas conta com todas as 30 equipes da NBA, além das seleções da China e da Croácia. Apenas calouros, segundanistas e jogadores jovens pouco aproveitados ou não draftados costumam participar do torneio.

Leia mais:
Bruno Caboclo se destaca, mas Grizzlies perdem a primeira na Summer League da NBA
Brasileiro Didi tem boa atuação em vitória dos Pelicans na Summer League da NBA
Em estreia do brasileiro Didi, Pelicans batem os Bulls na Summer League da NBA