Em vez de confirmar de uma só vez o 'pacote' de atletas cedidos pelo Sada Cruzeiro para compor a base de sua equipe, o América Vôlei optou por divulgar os nomes separadamente. E um dos nomes revelados pelo clube do Barro Preto que estarão à disposição do técnico Henrique Furtado no novo time, que surge em parceria com o Montes Claros, foi oficializado nesta sexta-feira: o levantador Rhendrick Resley, de 20 anos.

Revelado por um projeto social desenvolvido por Bernardinho, o jogador chegou às categorias de base celestes e defendeu as seleções brasileiras Infantil e Infanto. Recentemente fez parte do JF Vôlei e do Lavras, que mantiveram parcerias com o Cruzeiro para seus projetos no Adulto. Agora, se junta a Pedrão, Renan Michelucci, Kachel e Filipe Rammé, confirmados anteriormente para defender o Coelho. “Estou muito feliz pela oportunidade de jogar em Montes Claros, defendendo a camisa do América. Espero contar com todo esse apoio da torcida ao longo da temporada”, comenta o jogador.

O primeiro desafio do novo time será a disputa do Campeonato Mineiro, que este ano contará com recorde de participantes (seis). Além dos três representantes da Superliga – Sada Cruzeiro, Fiat Minas e América – Lavras, Uberlândia e os goianos do Anápolis, como convidados, participarão da competição.