Assim como havia acontecido um dia antes, nesta quarta-feira o francês Jules Bianchi, de 23 anos, foi novamente o mais rápido no testes de novatos da Fórmula 1, no circuito de Magny-Cours, na França. O piloto da casa, que correu com um carro da Ferrari na terça-feira, desta vez treinou com a Force India, equipe da qual é piloto de testes.

Bianchi conseguiu baixar, nesta quarta-feira, em mais de um segundo o meio o tempo que anotou na terça-feira, quando pilotou uma Ferrari. Para ser o mais rápido do dia nesta quarta, ele marcou 1min16s467 em sua volta mais rápida, contra 1min18s070 do dia anterior.

"Foi um dia muito agradável e foi muito bom fazer tantas voltas. Eu fiz um monte de treinos livres com a equipe, mas quando você passar um dia inteiro no carro que você pode fazer muito mais e realmente começar a encontrar o limite. O tempo de hoje (quarta) foi muito valioso e irá permitir-me ajudar a equipe ainda mais nas próximas sete corridas da temporada", destacou o piloto, que participa dos treinos livres das manhãs de sexta-feira pela Force India. Nesta quarta-feira, ele aproveitou a chance e deu 117 voltas em Magny-Cours.

Apenas outros dois pilotos entraram na pista nesta quarta-feira. O britânico Sam Bird, de 25 anos, foi o segundo mais rápido com a Mercedes, com 1min17s482. Em terceiro ficou Davide Rigon, italiano de 26 anos, que marcou 1min17s925 com a Ferrari.

O brasileiro Luiz Razia, que correu na terça-feira com a Force India, não entrou na pista nesta quarta e nem o fará na quinta, quando acontece o último dia de destes. Bianchi, que é membro da Academia de Pilotos da Ferrari, volta a testar pela escuderia italiana.