O América segue vivo na disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Mais uma vez na decisão por pênaltis – a terceira na competição –, o Sub-20 do Coelho venceu o Bahia por 3 a 2, após empate em 2 a 2 no tempo normal. Na semifinal, o time mineiro enfretará São Paulo ou Flamengo.

O herói da classificação foi o goleiro Jori, que defendeu duas batidas e ainda contou com a ajuda do travessão. Vitinho, Euler e Emiliano converteram as cobranças para o América.

O Coelho foi a campo com: Jori, Higor (Marcinho), Guilherme, Taigor e Diego (Emiliano); Euller, Zé Ricardo, Renan Melo, Max (Matheus) e Matheuzinho; Vitinho.

O jogo

Após um primeiro tempo de poucas emoções, o América saiu na frente com um gol de Max, aos três minutos da etapa final. No entanto, o Bahia também tinha um Max, que deixou tudo igual sete minutos mais tarde.

Os momentos finais foram eletrizantes e, mesmo com a expulsão de Jaques, o time baiano buscou a virada com um homem a menos, com gol de Geovane Itinga, aos 41 minutos, de cabeça. Esse foi o oitavo gol do atacante do Bahia, artilheiro da competição.

Mas a alegria durou pouco. Três minutos mais tarde, Matheus deixou tudo igual novamente e levou a decisão para os pênaltis. Mais justo, afinal, o Bahia tinha entrado nas quartas de final pelo índice técnico.

Na disputa de penalidades, brilhou o goleiro do time mineiro. Ele defendeu as cobranças de Cristiano e Geovane Itinga, além de contar com a sorte no chute de Sebastian, que acertou o travessão.

Antes, o América já tinha superado o Vasco, na segunda fase, e o Palmeiras, na quarta, também em disputas de pênaltis.

*Com informações de Estadão Conteúdo