Autor do gol do Barcelona no empate por 1 a 1 com o Bayer Leverkusen, na última quarta-feira, na rodada final da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa, o atacante Lionel Messi não participou do treinamento da equipe nesta quinta, no dia seguinte ao duelo na Alemanha.

Messi ficou em campo durante todo o confronto com o Leverkusen e a sua ausência no treinamento desta quinta, de acordo com o Barcelona, não é de ordem médica. O clube espanhol explicou que o craque argentino foi liberado da atividade para resolver problemas particulares.

Além de Messi, outro ausente da atividade foi Neymar. Nesta quinta, o Barcelona confirmou que os exames realizados pelo brasileiro confirmaram que o atacante sofreu uma pequena lesão fibrilar no músculo adutor da perna esquerda, como havia sido diagnosticado inicialmente, na véspera do confronto com o Leverkusen.

O Barcelona evita realizar uma previsão sobre o período de afastamento de Neymar dos gramados, mas já é certo que ele não terá condições de encarar o Deportivo La Coruña, neste sábado, pelo Campeonato Espanhol.

A expectativa está mesmo sobre a participação de Neymar no Mundial de Clubes. O Barcelona entra em campo na próxima quinta-feira, pelas semifinais. A decisão do torneio, disputado no Japão, está marcada para o domingo seguinte.