O quinto colocado nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018 vai enfrentar o vencedor do torneio classificatório da Oceania por uma vaga na competição na Rússia. Foi o que determinou o sorteio realizado nesta sábado em São Petersburgo.

A Oceania é a única confederação que não possui vagas diretas na Copa do Mundo. Por isso, a seleção que vencer o torneio classificatório precisará disputar um confronto preliminar contra a quinta colocada da América do Sul, que tem as suas Eliminatórias disputadas em sistema de pontos corridos, com os quatro primeiros se garantindo direto no Mundial.

A última vez em que seleções da América do Sul e da Oceania duelaram por uma vaga na Copa foi em 2006, quando a Austrália, que atualmente disputa as Eliminatórias Asiáticas, avançou ao bater o Uruguai. Para o Mundial de 2014, por exemplo, os sul-americanos, com novamente os uruguaios, superaram uma seleção da Ásia, a Jordânia.

Este não será o único confronto entre continentes na repescagem das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. O sorteio deste sábado também definiu que uma equipe da Concacaf enfrentará uma seleção asiática por uma vaga na próxima edição do Mundial.

Nesse caso, a seleção representante das Américas do Norte, Central e do Caribe será a quarta colocada na fase final do seu torneio classificatório - as três primeiras se garantem direto na Copa. A seleção asiática que triunfar na repescagem - as quatro primeiras da terceira fase se classificam para o Mundial - vai ser a oponente da equipe da Concacaf.