Considerado uma das lendas da Stock Car, Ingo Hoffman fará uma pausa na sua aposentadoria para participar da prova de abertura da temporada 2015. O veterano, de 61 anos, formará dupla com Rubens Barrichello na etapa de Goiânia, marcada para o dia 22 de março.

Ingo Hoffman é o maior campeão da Stock Car, com 12 títulos, e um dos ídolos de Barrichello, que recebeu seu primeiro capacete das mãos do multicampeão, e usa até hoje a cor laranja em seu casco em referência maior vencedor da categoria. Agora, eles vão correr juntos no início da defesa do título conquistado por Barrichello no ano passado.

"Primeiramente, quero agradecer o convite que o Rubinho me fez. Fiquei muito contente e, ao mesmo tempo, é uma responsabilidade muito grande para mim, pois vou correr ao lado de um cara que acabou se tornando um ídolo para mim", disse Ingo Hoffman, explicando que não cogitava mais competir, mas mudou de ideia ao receber o convite de Barrichello.

"Quando me aposentei no final de 2008, muitas vezes fui questionado se não voltaria a correr, e sempre disse que não, e tinha isso bem resolvido na minha cabeça. No entanto, um convite desse realmente é irrecusável. Cheguei a comentar com o Rubinho que não piloto um Stock desde 2008, e que talvez meu ritmo não seja o ideal, mas seguindo as palavras dele: Vamos nos divertir! Eu pretendo me divertir bastante, mas logicamente visando um resultado positivo, de forma a não atrapalhar a temporada dele", completou.

Sede da prova de abertura da temporada 2015 da Stock Car, Goiânia traz boas lembranças a Barrichello, pois foi lá que ele venceu a Corrida do Milhão no ano passado. E agora competindo ao lado de Hoffman, ele exibiu animação para a corrida.

"Estou extremamente honrado em correr com um ídolo, e certamente vamos formar uma das duplas mais fortes da corrida. Será uma grande alegria vê-lo pilotando o 111, e estou muito entusiasmado com a nossa parceria", disse.