O atacante Marcelo Moreno foi mais um dos jogadores do Flamengo a engrossar o coro por mais jogos do time na capital fluminense. Ainda sem acordo com o consórcio que vai administrar o Maracanã pelos próximos 35 anos, o clube vai continuar mandando seus jogos longe de casa. No sábado, o Flamengo tem o mando de campo e enfrenta o Coritiba em Brasília, no Mané Garrincha.

"Todo flamenguista quer ver o Flamengo jogar no Brasil inteiro, mas, na minha opinião, seria bom jogar em casa, no Rio, para descansar mais e ter um rendimento melhor. O ideal seria ter um campo onde pudéssemos jogar sempre, com a nossa torcida", disse Moreno. "No momento, não temos essa oportunidade, então vamos ter de jogar em outros estádios e mostrar a cara do Flamengo".

Nesta segunda, depois de uma semana em Pinheiral e a vitória sobre o São Paulo, no amistoso, por 1 a 0 (gol de Marcelo Moreno), o Flamengo voltou a treinar no Ninho do Urubu. Os titulares fizeram treino à parte e os reservas, coletivo em campo reduzido.

O técnico Mano Menezes elogiou a defesa no amistoso, formada por Wallace e González. "Contra o São Paulo, nossos dois zagueiros estiveram bem posicionados, o time esteve bem posicionado na maior parte do tempo no sistema defensivo. Sendo assim, todos vão ter a tranquilidade para fazer jogos seguros", disse.