Juvenal Moise foi empossado nesta terça-feira como o novo presidente do Haiti pelos próximos cinco anos, após uma longa crise política no país, marcada por alegações de fraude eleitoral.

Com a mão sobre a Bíblia, Moise jurou obedecer à Constituição e melhorar a vida dos cidadãos haitianos. A cerimônia no Parlamento contou com a participação dos congressistas e de representantes de países como Estados Unidos, França e Venezuela.

Moise assumiu o cargo com a promessa de estimular a economia nas áreas rurais, onde 80% da população vive da agricultura, e encorajar o desenvolvimento econômico na parte menos desenvolvida do país.

Fonte: Associated Press.