HAIA - A polícia holandesa fechou nesta quarta-feira (25) duas grandes lojas e um restaurante em Haarlem, oeste do país, depois de ameaças postadas no Twitter de que iria ocorrer "um banho de sangue". Policiais armados foram mobilizados no exterior de duas lojas V&D e do restaurante La Place depois das ameaças.
 
Os tuítes, que foram postados numa conta chamada "Circus Bloed", advertiam que um banho de sangue iria acontecer às 11h50 local (3h50 de Brasília). A polícia indicou posteriormente que o tuíte e a conta desapareceram da rede.
 
Outras lojas de Haarlem fecharam suas portas por precaução.