A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (15) uma operação de combate a uma quadrilha que comercializa permissões ilegais para pesca industrial, documento emitido pelo Ministério da Pesca, que foi integrado à pasta da Agricultura na reforma ministerial promovida pela presidente Dilma Rousseff no início do mês.

Estão sendo cumpridos mandos judiciais no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Pará e Rio Grande do Norte. A ação foi batizada de "Enredados".

Foram presos o secretário-executivo do Ministério da Pesca, Clemeson José Pinheiro, e o superintendente do Ibama em Santa Catarina.