Constituir um rico acervo de jogos não é algo barato. Na verdade, pode ser um investimento nababesco se o colecionador for daqueles que não resistem aos lançamentos. Hoje, um game recém-publicado varia de R$ 200 a R$ 250. Se a edição for especial, com acesso aos passes de temporada, pode beirar os R$ 500. 

Já as edições de coleção incluem itens que podem custar alguns milhares de reais. Isso sem falar no custo de consoles, televisores, computadores, upgrades, monitores e acessórios. Não é raro bater uma deprê, depois da aquisição. Mas fato é que dá para se divertir gastando pouco. Na verdade, gastando nada. 

Entre as opções gratuitas, o game brasileiro “Heavy Metal Machines” é uma das boas alternativas de mercado. Exclusivo para PC, trata-se de jogo multiplayer de corrida de arena. Ou seja, uma espécie de “League of Legends” motorizado.

Produzido pela Hoplon, o “HMM” é um game leve e pode rodar em máquinas com sistema operacional Windows, mesmo com configurações modestas. Para jogar, você não precisa de um teclado “mecânico”. Nada também daqueles mouses com trocentos botões e de joysticks. Dá para jogar com teclado comum e o mouse ensebado.

Desafio

À primeira vista, o game parece ser um daqueles joguinho inocentes. Ele é inspirado em “Rock’n’Roll Racing”, título dos anos 1990 que era uma batalha de carros ao som de clássicos do rock sintetizados. Com diferentes tipos de jogos, a opção mais simples é entrar numa sala aleatória para treinar os fundamentos do game. Basta escolher um personagem, um carro e aguardar a batalha começar.

Ao contrário do game que inspirou “HMM”, o jogador não precisa completar as voltas em primeiro lugar para vencer a partida. O mapa é um imenso labirinto cheio de acessos. A missão da equipe é levar a bomba até a base adversária. Vence a partida o time que repetir o feito três vezes. Como todo game online de equipes, cada jogador tem uma função. Assim, cada carro tem sua peculiaridade como bloqueio, suporte e artilharia. Tentar resolver problemas por contra própria nem sempre funciona.

Simples, não é? Errado! “Heavy Metal Machines” é um game difícil. Controlar o carrinho exige treinamento, assim como aprender a usar as diferentes armas. No mapa há uma série de obstáculos e armadilhas que dificultam o jogo. Com a posse da bomba, o caminho fica ainda mais complexo, pois há passagens que são bloqueadas. Tudo isso eleva a graça da brincadeira e faz o jogador querer se aventurar de novo. Literalmente, “Heavy Metal Machines” é um grande barato!