Quem me conhece sabe que tenho uma habilidade peculiar para o futebol. Desde criança sempre despertei sentimentos raivosos e de medo dentro das quatro linhas. Quando eu chegava, o clima fica tenso. Todo mundo queria saber em qual time eu iria jogar, o que era uma incógnita, afinal eu era o último a ser selecionado.



Daí vinham a raiva, o ódio e a fúria dos meus companheiros de esporte bretão e o alívio para meus adversários. Foi assim na infância, foi assim na adolescência e foi assim até meus 34 anos, quando tive maturidade para me retirar definitivamente das quadras e dos gramados. Decisão que balançou o mundo do futebol.

O problema é que ser perna-de-pau me acompanhou também nos jogos de futebol. Por liturgia do cargo, sempre precisei testar games de futebol para publicar no GameCoin e também no Hoje em Dia. Afinal, jogos como “Fifa” e “PES” sempre bombam por aqui. E este ano, mais uma vez testei “Fifa 20” e “PES 2020”, nas versões de demonstração. Foram horas de humilhação em nome da profissão. Mas nem tudo estava perdido, pois o modo “Futebol Volta” de “FIFA 20” foi minha redenção. 

Esse modo é um grande barato, resgatado do finado “Fifa Street”, com uma pelada de rua. Nele, os times têm três jogadores, em que todos podem assumir o gol. As traves são pequenas, como as de um rinque de hóquei no gelo. Nesse modo ganha quem marcar quatro gols primeiro. É bem parecido com a maioria das peladas que jogamos nas quadras brasileiras, onde se estabelecem o tradicional dois gols ou 10 minutos.

Ao contrário do modo “futebol de campo”, o Volta é bem simples de jogar, pois a visão da quadra é quase total e as paredes servem de tabela. Não há lateral, linha de fundo ou escanteio. Isso me lembrou o modo Salão do antigo “Super Striker”, que também era conhecido como “World Soccer 94”.

Claro que os “fifeiros” nem deverão dar bola para o Volta, mas para quem não tem habilidade com games de futebol, pode ser uma brincadeira divertida para jogar em casa com a turma. E pode ser na versão demo mesmo, que é de graça. “FIFA 20” tem versões para PC, PS4 e Xbox One.