Ela já é vovó, tem 98 anos e uma flexibilidade com o corpo de fazer inveja em muitos jovens. Connie Dennison, de North Queensferry, na Escócia, está pronta para se tornar a professora de yoga mais velha do mundo.

A mulher começou a praticar o exercício nos anos 1930 e, há cerca de 40 anos, tem ministrado as aulas semanais em uma igreja de Dunfermline, também na Escócia, informa uma reportagem do periódico britânico The Sun.

Connie Dennison

Aos 98 anos, a professora tem uma flexibilidade de fazer inveja em muita gente (Foto: The Sun/Reprodução)
 

"Eu estaria em uma cadeira de rodas se não fizesse yoga. É uma ótima maneira de cuidar do corpo", explica Connie em entrevista para o site do tabloide.

As primeiras alunas da professora já estão na Terceira Idade. Para ela, mais importante do que conseguir o recorde, é o ensinamento da atividade. Uma das alunas, Sophia Henderson, de 88 anos, comenta a vitalidade da amiga. "Não ficaria surpresa de frequentar as aulas dela quando a Connie compretar 100 anos".