Dos 75 aprovados para o cargo de Juízes de Direito Substituto do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJMG) apenas 20 irão tomar posse nos próximos dias. Segudo assessoria do órgão, os demais candidatos vão ter que esperar por tempo indeterminado. De acordo com o edital, os aprovados que não foram chamados têm até julho de 2019 para serem nomeados.

Segundo assessoria do TJMG a decisão é uma resposta as dificuldades financeiras pelo qual passa o estado de Minas Gerais -  que enfrenta queda da arrecadação e a consequente redução da Receita Corrente Líquida.

"O Tribunal de Justiça tem limites de comprometimento das despesas de pessoal, ditadas pela Lei de Responsabilidade Fiscal, por esse motivo, neste momento, serão nomeados apenas 20 candidatos aprovados no concurso, que serão submetidos a um curso com a duração de três meses e depois designados para atuar em comarcas vagas", diz o texto.

No último dia 29, 20 bacharéis em direito foram nomeados para o cargo referente ao concurso realizado em 2015. A nomeação foi feita de acordo com a previsão orçamentária deste ano.