Deputados republicados votaram a favor de manter restrições para norte-americanos interessados em viajar para Cuba. A decisão é um revés para os esforços do presidente Barack Obama na reaproximação com o país. A votação bloqueou regras criadas em janeiro que facilitariam às viagens ao país e permitiriam a realização de voos comerciais dos Estados Unidos para ilha.

Ainda nesta quinta-feira, o Departamento de Tesouros dos Estados Unidos removeu cinco indivíduos, 53 entidades e um navio da sua lista negra cubana, dando continuidade aos trabalhos de Obama para normalizar as relações entre os dois países.

Fonte: Dow Jones Newswires e Associated Press.